Carro auto recarregável

Um grupo de pesquisadores vem desenvolvendo há mais de três anos uma solução para amenizar ou até resolver o maior problema dos carros elétricos: sua baixa autonomia. A solução consiste em transformar o carro inteiro em uma bateria própria, distribuindo o peso do conjunto de baterias de forma que ele uniforme em cada parte do veículo, reduzindo o peso dos modelos de carros elétricos atuais.

(Créditos: Divulgação)

(Créditos: Divulgação)

A nova tecnologia usa a carroceria do próprio carro para armazenar energia elétrica suficiente para o funcionamento do veículo, aumentando a autonomia da bateria através de painéis de fibra de carbono, que foram fundidos com nanobaterias e supercapacitores.

As partes recarregáveis são distribuídas na “carcaça” do carro e, por isso, se instalam em portas, teto e até no assoalho, diminuindo em 15% a porcentagem do peso do automóvel, outro fator que contribui para a melhor autonomia da bateria.

Os painéis podem ser carregados pela energia dos freios regenerativos ou mesmo do modo mais comum, ou seja, carregando na tomada.

Interessante, não é? Além dos carros elétricos estarem cada vez mais desenvolvidos, eles contribuem para a preservação do meio ambiente.

Parte Elétrica: Saiba o que deve ser revisado no seu automóvel

ElétricaSe a parte elétrica do seu carro anda apresentando problemas, é melhor você se prevenir e fazer uma boa revisão antes que o seu carro te deixe na mão. Falhas no comando ou panes no sistema são fatores que precisam ser levados a sério para garantir que o seu automóvel continue rodando perfeitamente.
Veja alguns componentes que não podem ser ignorados na hora da revisão elétrica:
Bateria:

É o principal componente do sistema elétrico do seu automóvel e o que mais necessita de atenção, pois é ela que faz a alimentação de todo o conjunto. Embora seja recomendado fazer sua troca a cada 4 anos, no melhor dos casos, é aconselhável que pelo menos uma vez ao ano seja feita uma checagem, para garantir seu bom funcionamento.

Iluminação e Sinalização:

As lâmpadas dos faróis, das lanternas e das setas são componentes do seu automóvel que precisam estar sempre funcionando, pois são elas que garantem segurança e cumprem o papel de auxiliar na comunicação com outros motoristas. Devem durar no mínimo 700 horas, conforme especificado por normas internacionais.

Alternador:

Se o seu carro apresenta variação na iluminação, dificuldade na hora de dar a partida ou se a luz de bateria no painel se mantiver acesa, é provável que o problema seja no alternador, porque é ele que mantém a bateria carregada quando o motor do automóvel está em funcionamento.

Periféricos:

Esse conjunto que pode ser composto por: vidros, travas, alarmes e sistema de som, são componentes que garantem o conforto do motorista e que também precisam de atenção, pois se não vierem de fábrica, precisam ser instalados por profissionais devidamente capacitados, para não se tornarem um fardo para o motorista mais tarde.

Seja no computador de bordo ou mesmo no painel do seu carro, fique atento às luzes que podem indicar falha no sistema elétrico e lembre-se sempre de fazer a revisão.